É ouro!

É ouro!
image_print

Equipes masculina e feminina garantem 1º lugar no Campeonato Brasileiro sub-16 de polo aquático

A Associação Bauruense de Desportes Aquáticos (ABDA) participou, entre os dias 21 a 23 de abril, do Campeonato Brasileiro de Polo Aquático Sub-16, realizado em Bauru. Essa competição vale como seletiva para o Campeonato Sulamericano que será disputado em junho, na Colômbia.

Na categoria masculina, a ABDA-A enfrentou a ABDA/Hípica na quinta-feira, com partida muito equilibrada e terminou em 15 x 09 para a primeira equipe. No segundo dia de jogo, a ABDA-A teve como desafio o BFR e venceu por 25 x 04 e a ABDA/Hípica, também contra o BFR venceu por 23 x 03, garantindo lugar no final.

A final, no último dia, as duas equipes da ABDA se enfrentaram e a ABDA-A sagrou-se campeã brasileira com placar de 15 x 14.

“O jogo da final foi muito bom e disputado, o resultado de apenas um gol de diferença mostrou que todos nossos atletas estão em um alto nível. Destaco os nossos dois goleiros, Luan Barbieri e Murilo Henrique”, ressaltou Attila Sudar, técnico da ABDA de polo aquático.

__

Na categoria feminina, a ABDA- A encarou a ABDA/ADPM no primeiro dia de jogo e a primeira equipe venceu a partida por 15 x 09. Na sexta-feira a ABDA/ADPM enfrentou o BFR e ganhou com facilidade por 13 x 02. A ABDA-A também venceu por 20 x 02 o time carioca, chegando as duas equipes à final da competição.

A final, com ambas as equipes da ABDA, foi vencida pela ABDA-A com placar de 10 x 07, mostrando bastante equilíbrio entre todas as atletas.

“Como tivemos a oportunidade de inscrever duas equipes na competição, conseguimos dar oportunidade às atletas mais novas e a evolução foi notória. Nossa atleta Tamires Damas, de 14 anos, destacou-se durante o campeonato e, inclusive, vai para a seleção”, completou Bárbara Amaro, auxiliar técnica da ABDA de polo aquático.

A ABDA conta com o auxílio de seus parceiros: Zopone Engenharia e Comércio LTDA., Z-Incorporações, Pernambucanas, BNP Paribas, Lei de Incentivo ao Esporte, Ministério do Esporte, Grupo Multicobra, Semel e BTC.

Notícias relacionadas

VOLTAR AO TOPO